Lua estará hoje mais perto da Terra - Cidade - Diário do Nordeste

FENÔMENO

Lua estará hoje mais perto da Terra

19.03.2011

O satélite estará cerca de 26 mil quilômetros mais próximo da terra, fenômeno denominado de ´perigeu´
O satélite estará cerca de 26 mil quilômetros mais próximo da terra, fenômeno denominado de ´perigeu´
FOTO: JEFF HAYNES/AFP
As pessoas que admiram os astros e as estrelas r serão presenteadas hoje. Após cerca de 20 anos, a Lua estará a uma distância mais próxima da Terra (fenômeno denominado de perigeu), prometendo assim ser um grande espetáculo para os olhos.

Além da aproximação, a Lua estará na fase cheia, considerada por muitos, a mais admirável. Assim, o que poderá ser visto é uma Lua maior e mais brilhante. O último registro dessa ocorrência é datada de 1992.

Estima-se que a distância do satélite para a Terra é de aproximadamente 380 mil quilômetros. Por conta da sua variação de movimentação este espaço cairá para 356 mi quilômetros.

Imperceptível

Segundo o astrônomo e membro do Grupo de Apoio em Eventos Astronômicos (Gaea), Saulo Machado, o fenômeno de aproximação (perigeu) e de afastamento (apogeu) da Lua acontece corriqueiramente, sendo considerado algo rotineiro.

O especialista afirma que o acontecimento será, praticamente, imperceptível a olho nu, somente pessoas experientes no assunto e utilizando instrumentos adequados perceberão a mudança na circunferência do satélite natural.

"O que se poderá notar, talvez, será um brilho mais intenso. O tamanho é aquele de uma Lua na fase cheia normal. É um fenômeno rotineiro", insistiu.

Ilusão de ótica

O diretor do planetário do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, Dermeval Carneiro, explica que o evento não teve relação com o terremoto e a tsunami que atingiram o Japão nos últimos dias.

"Foi uma coincidência estes fenômenos naturais acontecerem no mesmo momento do perigeu da Lua em fase cheia. Não se poder associar estes acontecimentos".

O astrônomo comenta ainda que a visão que se poderá ter hoje da Lua mais próxima da Terra será tida apenas como uma ilusão de ótica.

De acordo com Carneiro, haverá mudanças na maré, que estará mais alta que o normal, podendo chegar a três metros. "Essas alterações nas marés são motivadas pela aproximação da Lua, já que ela exercerá maior força de atração", afirma.

Comente essa matéria


Editora Verdes Mares Ltda.

Praça da Imprensa, S/N. Bairro: Dionísio Torres

Fone: (85) 3266.9999