Dez casos de sarampo são confirmados no CE - Cidade - Diário do Nordeste

Boletim Epidemiológico

Dez casos de sarampo são confirmados no CE

25.01.2014

Todos os pacientes são de Fortaleza; SMS vacina, hoje, crianças de 6 a 11 meses em 52 postos de saúde

O Ceará já tem dez casos confirmados de sarampo, informou, ontem, a Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa). Conforme o boletim epidemiológico divulgado pelo órgão, já foram notificados 75 casos suspeitos, entre os dias 1º e 24 de janeiro. Todos os pacientes confirmados com a doença são residentes em Fortaleza. As informações são da Redação Web do Diário do Nordeste.

De acordo com a Sesa, os casos confirmados na Capital apresentaram o vírus do sarampo do genótipo D8, um tipo viral que está circulando em vários países, como Inglaterra e Estados Unidos. A transmissão do vírus no País é facilitada pela entrada de estrangeiros, apesar de não ter nenhuma identificação do vínculo entre os casos com viajantes.

As crianças menores de um ano representam 60% dos casos confirmados de sarampo, sendo pacientes não vacinados. Todas as pessoas com a doença são do sexo masculino.

A melhor forma de prevenir a doença é por meio da vacinação. A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) promove, hoje, ação específica de imunização contra o sarampo para crianças de 6 a 11 meses, em 52 postos de saúde, distribuídos nas secretarias regionais da Capital.

Os pais devem procurar as unidades entre 8h e 12h. A partir da próxima segunda-feira (27), a campanha de vacinação será ampliada, atendendo crianças de 6 meses a 5 anos de idade.

A Sesa também vai iniciar na próxima segunda-feira campanha de vacinação contra sarampo em crianças de 6 meses a menores de 5 anos. A ação terá início em Fortaleza.

O dia “D” da campanha será no próximo sábado (1º), com a vacinação ampliada para os postos de saúde dos 14 municípios da Região Metropolitana de Fortaleza: Caucaia, Maracanaú, Maranguape, Aquiraz, Eusébio, Pacajus, Horizonte, Pacatuba, Cascavel, Chorozinho, Guaiúba, São Gonçalo do Amarante, Itaitinga e Pindoretama.

No último dia 14, o Diário do Nordeste noticiou o primeiro caso de sarampo confirmado no Ceará após 15 anos. O paciente era um médico de 27 anos que trabalha em um hospital infantil da Capital. O sarampo é uma doença viral aguda, com elevada transmissibilidade e que pode acometer as pessoas de qualquer idade não vacinadas.
 
Sintomas

A pessoa é considerada com suspeita da doença quando apresenta febre e exantema, que são manchas vermelhas pelo corpo, acompanhados de um ou mais desses sinais e sintomas: tosse e/ou coriza e/ ou conjuntivite.

Comente essa matéria


Editora Verdes Mares Ltda.

Praça da Imprensa, S/N. Bairro: Dionísio Torres

Fone: (85) 3266.9999