Concurso

Detran: candidatos fizeram ontem segunda prova

O bom tempo contribuiu para os candidatos chegarem na hora. Por volta das 8h, era possível observar aglomeração nos locais de prova ( Foto: Kid Júnior )
01:00 · 12.03.2018

Dividido em três turmas devido ao grande número de inscritos - foram 172 mil, a expectativa da organização era receber entre 50 e 60 mil - os 67 mil candidatos, que integram o segundo grupo do concurso do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), realizaram prova ontem (11), em 123 locais, distribuídos na Capital (83) e 40 em sete municípios.

"A prova transcorreu em clima de tranquilidade", assegurou o professor Fábio Perdigão, presidente da Comissão Executiva de Concursos e Vestibular (CEV) da Universidade Estadual do Ceará (Uece), informando que a terceira etapa do concurso, que oferece 383 cargos, está marcada para o dia 8 de abril.

A previsão é que o resultando seja divulgado no fim do mês de abril ou início de maio, projeta Perdigão, completando que o gabarito da prova estará disponível no site da Uece a partir do fim da tarde de domingo.

As provas, que foram aplicadas no horário de 9h30 às 13h, eram compostas por 50 e 60 questões objetivas para os níveis fundamental e superior, respectivamente. O mesmo candidato poderia concorrer a mais de um cargo, desde que o horário da prova não coincidisse. Ou seja, concorrer a níveis diferentes, por exemplo, explicou Perdigão. A recomendação de que o candidato deve manter o telefone celular desligado não é respeitada. "Sempre acontece de um aparelho tocar. Se isso acontecer, o candidato será eliminado", esclareceu. Houve caso desse tipo durante a aplicação do concurso, iniciado no dia 25 de janeiro.

O bom tempo, na manhã de ontem, contribuiu para os candidatos chegarem na hora, informou Perdigão. "Não choveu durante a prova", comemorou. Por volta das 8h, era possível observar aglomeração nos locais de prova, como foi observado na Escola de Ensino Fundamental e Médio (EEFM) Dr. César Cals, localizada na Avenida Domingos Olímpio, Centro.

"Aguardo por esse concurso desde 2013. E venho estudando", garantiu a assistente administrativa Gabriela Fernandes, 29. Por isso, mesmo concursada, vem se preparando e estudando em cursinho para tentar uma vaga no cargo de administração.

A contadora Raquel Santos, 29, aposta na estabilidade, vendo no concurso um caminho para a conquista. Seu foco é concurso da Polícia Rodoviária Federal (PRF). "Por conta das disciplinas em comum, resolvi tentar uma vaga no Detran", confessou.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.