COLUNA

Comunicado: sobre a base da pirâmide

roberto-maciel

Comunicado

ROBERTO MACIEL - roberto.maciel@diariodonordeste.com.br • Coluna da editoria Cidade

01:00 · 26.07.2018

As comissões da Câmara federal que tratam de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços, onde atua o deputado Antonio Balhmann (PDT); de Finanças e Tributação, que abriga José Guimarães (PT), Gorete Pereira (PR) e Genecias Noronha (SD); e de Constituição e Justiça e de Cidadania, na qual estão Danilo Forte (PSDB), Vicente Arruda (PDT) e Moses Rodrigues (MDB), além de Genecias, Gorete e Guimarães, têm à frente um diálogo com uma das bases da pirâmide da economia. É que vai passar por esses colegiados projeto que permite o parcelamento de débitos tributários de pequenas e micro empresas. A ideia é alterar a legislação que criou o sistema de impostos Simples Nacional.

Image-1-Artigo-2428648-1

O texto diz que o parcelamento deverá ser iniciado com o pagamento de, ao menos, 50% do tributo. Haverá juros e multa só sobre o valor não recolhido no vencimento.

30

Por cento

Da duração do curso é o mínimo exigido do aluno interessado em estudar em universidades estrangeiras parceiras da Unifor no primeiro semestre de 2019. O programa vai abrir inscrições em 1º de agosto.

70

Por cento

Da duração do curso é o tempo máximo exigido dos interessados no programa de intercâmbio. As inscrições seguem até 15 de setembro, na Assessoria para Assuntos Internacional da Unifor.

"Vamos ser as portas de saída e de entrada, procurando trabalhar com o trade turístico e também com empresas conjugadas com os que fazem o turismo no Ceará"

Deputado Sérgio Aguiar (PDT) sobre cenários positivos para a economia.

Palavras ao vento

O sotaque cearense vai ser ouvido no 10º Fórum Nacional Eólico, que começa hoje em Natal (RN). A Secretaria do Desenvolvimento Econômico do Estado vai expor lá estratégias aplicadas para atrair investimentos em energias renováveis, com destaque para os parques eólicos.

Hélices

Segundo a SDE, há 78 usinas eólicas em operação no Ceará, além de 13 em construção. Geram-se atualmente 2,1 megawatts de potência nessas estruturas, com perspectiva de acréscimo de 285,9 MW. Um programa de incentivos faz o setor no Estado ir de vento em popa, inclusive com incentivos fiscais.

Controle nas redes

O combate às fake news não é nem deve ser considerado o único desafio de quem se movimenta nas redes sociais. Há também a prevenção de invasão de privacidade. Saiba, pois: tramita no Senado projeto que define prisão de um a três anos, além de multa, a quem divulgar na Internet imagens de vítimas de acidentes não-fatais. A CCJ, onde só há um senador cearense - José Pimentel (PT) - está tratando da pauta.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.