COLUNA

Comunicado: Os fakes e a política real

roberto-maciel

Comunicado

ROBERTO MACIEL - roberto.maciel@diariodonordeste.com.br • Coluna da editoria Cidade

01:00 · 28.04.2018

As notícias falsas que têm corrido pela Internet - fake news, no linguajar da moda - geraram um curioso requerimento na Câmara de Fortaleza. É que o vereador Noélio Oliveira (Pros) quer que a secretária de Saúde, Joana Maciel, vá à casa dizer o que é mentira ou verdade "com relação aos casos da gripe H1N1". Como se coubesse a ela catalogar a boataria que tem, deve-se reconhecer, se avolumado. Noélio é da oposição. Diz que não quer constranger a secretária, mas abrir espaço para que ela se pronuncie. Pode estar, soldado que é da PM, dando um tiro no pé. Mas a política é feita de riscos, né?

Evandro Leitão

Já na Assembleia Legislativa, as fake news não geraram ação tão dúbia. E foi sem luvas de pelica que o líder do governo, Evandro Leitão (PDT), pregou aviso. "A imunidade parlamentar não pode servir para dar proteção àqueles que não têm compromisso com a verdade".

2.830

Famílias

São a meta a ser beneficiada com programa de urbanização da comunidade do Dendê, no Bairro Edson Queiroz, em Fortaleza. A ação tem a parceria do Governo do Estado, com Prefeitura e Ministério das Cidades.

25,99

Milhões de reais

São o custo estimado para as obras. Desse total, R$ 6 milhões estão destinados a saneamento básico e mais R$ 6 milhões para a construção de uma avenida. Também são previstas drenagem e novas ruas e calçadas.

"O Parlamento Metropolitano terá o objetivo de servir a população da Região em pontos que têm problemas ou desafios comuns. Isso significa ter um fórum para debater e sugerir soluções"

Vereador Salmito Filho (PDT) defendendo uma nova instância de discussões parlamentares.

Dentro de casa

A encrenca de Evandro Leitão com notícias falsas não se limita ao campo das redes sociais da Internet. Ele está de olho mesmo é no que se diz, ou no que se pode dizer, nas tribunas. Pelo ambiente em que se movimenta politicamente, o deputado faz pontaria especial nos campos estaduais, mas a crítica é ampla.

Zero

E há um ponto até interessante: no início de abril, a própria Assembleia promoveu um amplo debate sobre fake news, com a participação de jornalistas e acadêmicos. Quer saber quantos deputados se animaram a discutir o tema no auditório da Casa, a poucos passos de qualquer gabinete? Nenhum.

História em letras

A ensaísta e ex-secretária de Cultura de Lavras da Mangabeira, Cristina Couto, lança hoje o livro "A Tragédia de Princesa", sobre fatos reais ocorridos no município no início do século passado, num cenário de política, poder e vingança. O trabalho será apresentado pela Academia Lavrense de Letras e pelo Grupo Cariri Cangaço na Academia Cearense de Letras (Rua do Rosário, 1, Centro, Fortaleza), a partir das 17h20min.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.