coluna

Comunicado: a doença e o remédio

roberto-maciel

Comunicado

ROBERTO MACIEL - roberto.maciel@diariodonordeste.com.br • Coluna da editoria Cidade

01:00 · 09.07.2018

O poder público ainda tem muito o que avançar na formulação de políticas públicas para as parcelas da população que sofrem com doenças raras. Essa é uma avaliação frequente nos parlamentos e que está concentrando atenções de especialistas e políticos. Faz sentido. Afinal, de 2010 a 2017, os gastos da União com demandas judiciais relativas à saúde foram de R$ 5,2 bilhões. Só em 2016, conforme dados que circulam nos plenários, o custo de foi de R$ 1,3 bilhão. No Ceará, entidades e mandatos têm discutido e buscado na Justiça soluções para os problemas de pacientes e famílias.

Image-1-Artigo-2421801-1

Há cerca de 8 mil doenças raras, segundo a Organização Mundial de Saúde. O presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB), já deu regime de urgência para apreciação em plenário de matéria que trata do assunto.

76,49

Milhões de reais

São o investimento declarado do Governo do Estado na construção da primeira etapa do Residencial Cidade Jardim I, Módulo III, no Conjunto José Walter, em Fortaleza.

1.120

Unidades

Habitacionais estão definidas para o Cidade Jardim I. Na etapa inicial, já entregue, há 704 unidades . A segunda etapa compreende 416 e deve ser finalizada no próximo semestre.

"Nunca o câncer foi tratado como notificação compulsória. Agora as políticas e ações de combate e preservação da saúde poderão ser mais bem conduzidas"

Deputada Fernanda Pessoa (PSDB)
Sobre a obrigatoriedade de a rede de saúde notificar casos de câncer.

"Manada"

Não pegou nada bem para o deputado Roberto Mesquita (Pros) a desqualificação coletiva que pespegou em colegas que pensam diferente dele: "manada". A avaliação deixou alguns ofendidos e achando que o sempre falante Mesquita passou os limites da política e avançou para os da hostilidade.

Craque do aparte

Mas houve quem encarasse o palavrório de Roberto Mesquita com algum bom-humor. "Ele fala tanto que ninguém dá bola", devolveu acidamente um pedetista. Outro foi mais azedo: "Só de mal não vou mais dar aparte quando ele pedir". E olha que Mesquita é campeão em pedir apartes, hein?

Em preparação

Juízes eleitorais e servidores dos cartórios eleitorais participarão nos dias 12 e 13 próximos de reunião multidisciplinar e de ciclo de debates promovidos pelo TRE do Ceará. São etapas preparatórias para as eleições de outubro e que, este ano, superam processos convencionais. Tudo com atenção nas novas regras para as disputas.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.