Tribalistas

Quinze anos depois, trio lança álbum

00:00 · 11.08.2017

As redes sociais de Arnaldo Antunes, Marisa Monte e Carlinhos Brown começaram a dar pistas de que poderia haver um retorno do grupo no começo da noite desta quarta-feira. Quinze anos depois de terem formado os Tribalistas e gravado um disco, os amigos anunciaram a novidade: os Tribalistas voltaram. Ou melhor: "Não é uma volta dos Tribalistas, nós sempre estivemos por aí". Palavras de Arnaldo Antunes, que ladeou Marisa Monte e Carlinhos Brown em um vídeo ao vivo no Facebook para anunciar um novo álbum do trio.

Eles, que sempre negaram o retorno e blindaram suas assessorias para manter o segredo, começaram, às 23h, a tocar a música "Diáspora", que levanta a questão dos refugiados e estará no novo trabalho. Os três surgiram cantando juntos, com Marisa tocando violão, Carlinhos ao cajón e Arnaldo cantando.

Entoavam a música com leve sonoridade egípcia. "Boa noite, nós somos os Tribalistas", agradeceu Marisa logo depois da canção. Disse que se tratava do lançamento mundial do álbum e anunciou que tocariam então músicas inéditas. E apresentou os outros músicos, Dadi (baixista, parceiro frequente de Marisa e integrante dos Novos Baianos), Pedro Baby (violão, filho de Pepeu Gomes e escudeiro musical da mãe, Baby do Brasil) e Cezar Mendes (também violão, parceiro de Arnaldo e Caetano Veloso).

Especial

Durante a madrugada desta quinta-feira, 10, foram divulgadas outras três canções - "Um Só", "Fora da Memória" e "Aliança". Elas estão disponíveis nas plataformas digitais. O trio evitou a sexta-feira, dia em que as gravadoras concentram seus lançamentos. As outras canções da nova safra serão divulgadas no fim do mês em um especial a ser exibido na TV Globo.

O segundo álbum dos Tribalistas contará com dez canções. Algumas das novas foram compostas em parceria com músicos como Pedro Baby. A nova obra do trio deve ser lançada até o fim do mês nas lojas físicas e virtuais, em CD e DVD. Além do álbum físico, o trio anunciou um "hand album", encarte digital exclusivo para celular criado em parceria com o Spotify e o Facebook. O recurso traz vídeos, cifras, fichas técnicas e fotos. O álbum chega 15 anos após o disco de 2002, que emplacou sucessos como "Velha Infância", "Já Sei Namorar" e "Passe em Casa".

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.