Lançamento

Dos jogos de esconder

23:56 · 18.04.2011
( )
( )

Questionando a definição da persona do autor, Roberta Ferraz, Renata Huber e Érica Zíngano lançam “fio, fenda, falésia”, uma consistente experiência poética

Em 1968, o semiólogo e crítico literário francês Roland Barthes (1915 – 1980) abalou os territórios da literatura com um ensaio que já revelava o teor bombástico no título – “A morte do autor”. Em linhas gerais (o que é sempre um grande risco quando se trata das ideias de Barthes), o que ele pretendia era questionar a condição de onipotência concedida ao autor de um texto. Para Barthes, o leitor tinha um papel fundamental na construção deste texto.

O caso é que, talvez, o autor não tenha morrido. Contudo, ao que parece, ele tampouco pode ser identificado. “fio, fenda, falésia” é um complemento, uma ilustração e uma possível interlocução com esta questão. Escrito por um trio de poetisas, Érica Zíngano, Renata Huber e Roberta Ferraz, o livro tem como sua questão mais evidente os limites da autoria. Herdeiras dos métodos anárquicos da composição surrealista, as três não se debatem diante do, aparentemente, assustador cenário em que o autor é um cadáver. Elas o adotam como plano poético.

O trio foi impulsionado por uma herança da poesia de Fernando Pessoa, criador de múltiplas autorias, graças a seus heterônimos. A assinatura dos poemas é tripla. Não há, pois, como identificar quem assina esta ou aquela criação, procedimento radical, sobretudo se tratando de poesia e, em alguns casos, de versos marcadamente íntimos. O trabalho é dotado de força. Sua forma irregular faz o leitor passear por estilos, gêneros e heranças poéticas distintas. A leitura precisa ser pausada, para que se fique atento a ecos que ligam alguns poemas. E esta forma de ler vale como estratégia, para apreciar a espiral poética, em palavras que ganham impulso.

POEMAS

fio, fenda, falésia
Érica Zíngano, Renata Huber e Roberta Ferraz
Secretaria da Cultura/SP, 2010, 112 Páginas, R$ 25

Lançamento às 18h30, no Centro Cultural Banco do Nordeste (Rua Floriano Peixoto, 941 – Centro). Na ocasião, acontece a palestra "Golpes de f – em torno do livro 'fio, fenda, falésia'", com Érica Zíngano e Roberta Ferraz. Contatos: (85) 3464.3108 e cultura@bnb.gov.br

Dellano Rios
Editor

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.