Coluna

Sopa de Letras

00:00 · 23.01.2018

Me chame pelo seu nome
André Aciman

Image-3-Artigo-2353259-1
Publicado originalmente em 2007, o romance do escritor e ensaísta André Aciman chega ao Brasil impulsionado pelo filme que foi baseado nele. Dirigido por Luca Guadagnino, o longa-metragem tem tido uma boa performance em festivais como Berlim e Sundance e é um forte candidato ao Oscar de 2018. O enredo acompanha a paixão que irrompe entre um adolescente italiano, filho de um professor universitário, e um escritor norte-americano que se hospeda com sua família. O romance dura um verão, mas suas marcas são profundas e se fazem notar mesmo com o passar do tempo. A tradução é de Alessandra Esteche.

Intrínseca
2018, 288 páginas
R$ 39,90/ R$ 24,90 (e-book)

Submersão
J. M. Ledgard

Image-2-Artigo-2353259-1
Escrito pelo jornalista escocês J. M. Ledgard, corresponde de guerra do jornal The Economist, "Submersão" também ganhou adaptação para os cinemas. O filme, homônimo, foi dirigido pelo alemão Wim Wenders e estrelado por Alicia Vikander e James McAvoy. A história acompanha o cotidiano de James More, um espião inglês que é mantido refém por jihadistas na Somália; e da biomatemática Danielle Flinders, que está na Groenlândia em uma missão científica, prestes a submergir até o solo oceânico. A trama retorna ao passado em comum dos dois, quando viveram um romance em um um hotel na costa do Atlântico. A tradução é de Roberto Muggiati.

Record
2018, 244 páginas
R$ 39,90

Viagem ao centro da Terra
Jules Verne

Image-1-Artigo-2353259-1
Integrando a série "Clássicos Zahar", o romance do francês Jules Verne é uma obra referência entre as primeiras expressões da ficção científica francesa. O protagonista desta aventura é um intrépido geólogo e mineralogista, chamado Otto Lidenbrock. Ele parte de informações encontradas nos vestígios de uma antiga civilização para montar uma expedição que o levará a conhecer um novo mundo, incrustado no centro da terra. O aguardam perigos como dinossauros, rios de lava.

A edição de bolso do romance é enriquecida por ilustrações. Tradutor: Jorge Bastos

Zahar
2017, 280 páginas
R$ 39,90/ R$ 19,90 (e-book)

Vinte anos depois
Alexandre Dumas

Image-0-Artigo-2353259-1
Por vezes, este livro é esquecido, mas Alexandre Dumas escreveu esta sequência para uma de suas tramas mais conhecidas - "Os Três Mosqueteiros". Como o anterior, ele faz parte da série "Clássicos Zahar", seguindo o padrão em capa dura, com comentários e ilustrações. Na história, duas décadas depois, D'Artagnan é o único do antigo grupo que permaneceu na corporação dos mosqueteiros. Ele é convocado para atuar em missões em nome de Sua Majestade. E no caminho, ele encontra antigos camaradas. Acontece que, nem sempre, eles estarão do mesmo lado. Tradutor: Jorge Bastos

Zahar
2017, 800 páginas
R$ 129,90/ R$ 29,90 (e-book)

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.