Coluna

Mingau Pop: Inéditas para Maria

00:00 · 24.01.2018

O oitavo álbum da cantora Maria Rita chega às lojas físicas e digitais. Produzido pela própria cantora, "Amor e Música" teve coprodução de Pretinho da Serrinha, que também figura entre os compositores do álbum. Maria Rita reuniu 12 canções, compostas por nomes Zeca Pagodinho, Arlindo Cruz, Marcelo Camelo, Carlinhos Brown, Moraes Moreira e Davi Moraes. A maior parte das músicas é inédita, caso do samba "Pra Maria", de Marcelo Camelo, compositor que a artista grava desde seu álbum de estreia, "Maria Rita", de 2003; "Samba e Swing", de Oscar da Penha, o Batatinha; "Nem Por Um Segundo", de Zeca Pagodinho; e "Cadê Obá", parceria de Davi Moraes e Carlinhos Brown. O disco ainda inclui uma versão de "Saudade Louca", sucesso de Arlindo Cruz; e "Cutuca" (Davi Moraes, Marcelinho Moreira, Fred Camacho), que havia aparecido na trilha sonora da novela "Pega-Pega", da Rede Globo.

Listão

Na melhor tradição do jornalismo musical britânico, a revista inglesa New Musical Express publicou, nesta semana, um número especial com 100 novos nomes (entre artistas solo e bandas) para se ficar de olho. Há de tudo, desde artistas de hip hop e grime (mais na linha do gosto do público jovem) até velhos favoritos da publicação (indie rock e uma porção de gente que bebe de fontes saudosistas). Muita coisa ali não vale tanto a pena, mas a busca pode ser divertida e trazer boas surpresas - caso da banda indie pop Pale Waves, que lança seu disco de estreia "All The Things I Never Said", em março deste ano; e o trio de estética pós-punk Shopping, que acaba de lançar o excelente "The Official Body".

O rei e o fado

A cantora portuguesa Raquel Tavares gravou um álbum inteiramente dedicado ao repertório de Roberto Carlos. O álbum físico traz 13 canções e a edição virtual inclui, além delas, uma faixa bônus ("Emoções"). Produzido por Max Pierre, que trabalhou com artistas como Maria Bethânia, Caetano Veloso e Ney Matogrosso, "Roberto Carlos Por Raquel Tavares" traz participações de Ana Carolina e Caetano.

Violoncelos

Durante o Carnaval, Fortaleza sediará o III Festival Internacional Violoncelos em Folia, encontro de estudantes, profissionais e apreciadores desse instrumento. Na programação, oficinas e recitais, no Theatro José de Alencar, Igreja Matriz Menino Deus, Dragão do Mar e Teatro Celina Queiroz. O evento já tem uma página na internet, com a programação (www.facebook.com/violoncelosemfolia).

Expresso Jazz & Blues

Começaram, neste semana, as vendas do Expresso Jazz & Blues. O serviço oferecido pelo festival é voltado ao público interessado na primeira etapa do evento, que acontece durante o Carnaval, em Guaramiranga. O Expresso é um bate-e-volta, ideal para quem não vai ficar hospedado na serra, mas não quer abrir mão das atrações, como o gaitista Jefferson Gonçalves (foto). Durante os quatro dias do festival, ele sai de Fortaleza às 13h, com retorno à meia-noite. Além do traslado, inclui um ingresso para o show das 21 horas. O passaporte custa R$ 140. Antes do show das 21h, na Cidade Jazz & Blues acontece à tarde o Ensaio Aberto às 16h30 e a sessão Shows ao Pôr do Sol, ambos com acesso gratuito. A saída do Expresso, em Fortaleza, é o Terminal Rodoviário Eng. João Thomé e, em Guaramiranga, a Cidade Jazz & Blues. Interessados devem enviar e-mail para jazzebluesexpresso@gmail.com solicitando ficha de inscrição e termo de adesão.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.