Coluna

Mingau Pop: Dias de expectativa

00:00 · 07.03.2018

Oito anos depois de encerrar as atividades, o Cordel do Fogo Encantado retorna finalmente aos trilhos da música brasileira. A semana será decisiva nos planos do grupo que volta com formação original, álbum novo (com inéditas) e uma série de shows. Para temperar ainda mais esse reencontro com os fãs, o grupo vai disponibilizar na próxima sexta-feira (9) o single "Liberdade, a filha do vento", faixa que compõe o quarto disco de estúdio da banda cujo título provisório é "Viagem ao coração do sol". A previsão de lançamento do trabalho na íntegra é 6 de abril. Lirinha (voz), Clayton Barros (violão e voz), Emerson Calado , Nego Henrique e Rafa Almeida (ambos percussão e voz ) contam com produção do cearense Fernando Catatau, que também toca guitarra e teclados em "Liberdade, a filha do vento". O grupo já lançou "Cordel do Fogo Encantado" (2001), "O palhaço do circo sem futuro" (2002) e "Transfiguração" (2006).

Madeira Trio e TJA

Um mergulho na música instrumental brasileira e uma chance de compreender a evolução desta manifestação no Brasil. Esta é a sugestiva missão do Madeira Trio, que retorna aos palcos locais na quinta-feira (15), às 19h, no Theatro José de Alencar (Rua Liberato Barroso, 525, Centro). Reunidos, Pedro Madeira (bandolim), Luiz Hermano (contrabaixo) e Michael Rodriguez (bateria) conduzem o concerto "Pau-Brasil", cujo repertório parte da obra de Alberto Nepomuceno (1864-1920) e passa por nomes como Villa-Lobos, Pixinguinha, Tom Jobim e Luiz Gonzaga, chegando a artistas contemporâneos como Hamilton de Holanda. O ingresso custa R$ 10 (inteira).

Samba delas

O Estoril (Rua dos Tabajaras, 397, Praia de Iracema) será palco para o "Samba Delas" nesta quarta-feira (7), das 18h às 20h30. Formada apenas por mulheres, a roda de samba é gratuita e celebra o Dia Internacional da Mulher na Praia de Iracema. No repertório das sambistas, nomes como Martinho da Vila, Dona Ivone Lara, Zeca Pagodinho, Alcione, Ana Carolina, Beth Carvalho, entre outras.

Avante, garotas

O coletivo "Girls To The Front" surgiu em 2017 com o propósito de fortalecer a cena underground feminina na capital cearense. Mantendo a pegada dos shows anteriores, o "3° Girls to the Front" está confirmado para 7 de abril, 15h, no Casarão Benfica, com as bandas Ouse, Corja, Räivä (AL), Síncope, Conturbo, Miss Jane, Hijas de Put4 e Oldscratch (AL). A entrada custa R$ (10) sendo R$ 5 para os primeiros 50 pagantes.

Festejando o som autoral

Alguns espaços em Fortaleza buscam shows cujo o foco é a música totalmente autoral. No bairro do Benfica, em especial, o "Festival Fortaleza Cidade Marginal" tem se solidificado ao expandir suas edições para sonoridades distintas. Do eletrônico ao punk, seja o metal ou som indie, as ramificações deste projeto vêm abrindo portas seja para novos grupos como veteranos da cena. O show "Entre Ruídos e Distorções" (mais outra extensão do Fortaleza Marginal) ocupa o Casarão Benfica (Av. Carapinima, 1884, Benfica) no sábado (17) com as bandas Estereoh, Arcádia, Velocípede, Hijas de Puta, Lowelldive e Totem and Barry's. Em meio a grupos atuantes no atual cenário da cidade, o destaque da segunda edição do Entre Ruídos e Distorções" fica por conta do retorno da turma do Velocípede, que esteve em atividade na primeira década dos anos 2000.

O ingresso custa R$ 15 (dupla) e R$ 10 (individual).

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.