COLUNA

Contraplano: Cine Ceará 2017

Contraplano

diego.benevides@diariodonordeste.com.br • Coluna focada no melhor do cinema brasileiro e mundial

00:00 · 01.07.2017
"Uma Mulher Fantástica", de Sebástian Lelio, abrirá o festival de cinema cearense, em agosto

A pouco mais de um mês para a realização de sua 27ª edição, o Cine Ceará - Festival Ibero-americano de Cinema anunciou os filmes que irão compor as mostras competitivas. Consolidado como um dos mais importantes do circuito nacional, o evento exibirá na noite de abertura o chileno "Uma Mulher Fantástica", novo trabalho de Sebastián Lelio, do elogiado "Gloria" (2013). O drama transgênero venceu o Urso de Prata de Roteiro no último Festival de Berlim e colocou em evidência a atriz trans Daniela Vega. Aliás, a temática LGBTI está presente em outros longas da competição, abrindo espaço para dar visibilidade às questões de gênero. Outros destaques são o filme argentino "Ninguém Está Olhando", de Julia Solomonoff; a coprodução Cuba/França "Santa e Andrés", de Carlos Lechuga, e "Últimos Dias em Havana", de Fernando Perez, todos em torno do tema da diversidade. Também foram selecionados para a competição principal os longas "O Homem que Cuida", de Alejandro Andújar; "Malasartes e o Duelo com a Morte", de Paulo Morelli, e "Pedro Sob a Cama", de Paulo Pons. A programação gratuita acontece de 5 a 11 de agosto no Cineteatro São Luiz e em diversos pontos de Fortaleza.

Produção local

Além dos cinco curtas locais que integram a mostra competitiva nacional do Cine Ceará, outras 23 produções locais competem na Mostra Olhar do Ceará. A curadoria desse ano foi assinada pela Associação Cearense de Críticos de Cinema (Aceccine), que buscou um recorte representativo da identidade da produção cearense. Vale destacar que 12 dos 23 filmes são dirigidos ou codirigidos por mulheres. Entre os selecionados estão "Jonas Banhado em Sangue" (foto), de Mateus Bandeira; "Close", de Rosane Gurgel; "Soturna", de Léia Ávila; "Sítio Veiga", de Carla Moreira, e "Superdance", de Pedro Henrique. As exibições acontecerão gratuitamente no Cinema do Dragão e serão seguidas de debate com os realizadores.

Image-1-Artigo-2263201-1

Brasília

Reta final para submeter curtas e longas-metragens na edição comemorativa de 50 anos do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, principal vitrine do cinema nacional. As inscrições para a Competitiva Nacional estão abertas até 7 de julho, enquanto as mostras Futuro Brasil e Brasília - Troféu Câmara Legislativa recebem filmes até 10 de julho. Esse ano, todos os selecionados para a competição principal receberão cachê de participação, somando R$340 mil.

Paris

A 19ª edição do Festival de Cinema Brasileiro de Paris, realizado no cinema Arlequin, premiou o drama "Como Nossos Pais", de Laís Bodanzky, como o melhor filme do ano. A obra competiu com outros fortes concorrentes, como "Não Devore Meu Coração", de Felipe Bragança, e "Era o Hotel Cambridge", de Eliane Caffé. Estrelado por Maria Ribeiro na pele de uma mulher que precisa lidar com os problemas cotidianos, "Como Nossos Pais" estreia no dia 31 de agosto.

Cinema em casa

Streaming. Para aproveitar a temporada de férias, o NOW disponibilizou filmes de vários gêneros para quem prefere assistir de casa. Entre as novidades que entraram na plataforma está "Fragmentado" (foto), o mais recente trabalho do cineasta indiano M. Night Shyamalan, lançado oficialmente nos cinemas em março desse ano. O suspense protagonizado por James McAvoy mostra um homem de múltiplas personalidades com um destino incerto. O catálogo também traz o Especial Minhas Férias Favoritas, com animações para o público infantil, como a franquia "Meu Malvado Favorito" e "Os Smurfs", além do recém-lançado "Divinas Divas", de Leandra Leal, atualmente em cartaz nos cinemas brasileiros.

Image-2-Artigo-2263201-1

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.